“Joelhos para fora”, devo me preocupar com geno varo?

Os joelhos voltados para fora nem sempre são uma condição patológica (doença), na realidade dependendo da idade da criança esse formato é até esperado, entretanto é sempre necessário uma investigação clínica. 


Uma das causas mais comuns de geno varo (joelhos voltados para fora) é o fisiológico; ou seja, não há nada de anormal. Isso porque quando a criança nasce ela naturalmente apresenta os joelhos voltados para fora e os pés rodados para dentro. O alinhamento dos membros ocorre naturalmente conforme a criança cresce até os 11 anos, quando esse processo cessa.


O Raquitismo (diminuição do deposito de cálcio e fósforo nos ossos) pode ocasionar essa deformidade. Geralmente decorrente da baixa quantidade de vitamina D no organismo, pode ser corrigida com a reposição oral dessa vitamina (Ad—til por exemplo), com uma ótima resposta ao tratamento. Outras formas mais raras de raquitismo podem necessitar de tratamento cirúrgico.

 

Outra condição que leva aos joelhos voltados para fora é a Tíbia Vara de Blount. De causa idiopática (sem uma origem estabelecida), atualmente está associada a crianças acima do peso e que começam a andar precocemente, é mais comum em meninos e ocorre entre os 2 e 5 anos de idade. O tratamento pode ser feito com uso de órtese ou cirurgicamente.

Causas menos comuns como displasias esqueléticas, sequelas de fraturas, infecções ósseas e defeitos fibrocartilaginosos precisam ser investigadas e quando identificadas tratadas.

Se o formato do seu joelho ou do seu filho causa estranheza ou incômodo, procure um profissional para identificar se há mesmo um problema e assim traçar um bom plano de tratamento.


Dr. Cássio Luis Ferreira Júnior

36 visualizações

Dr. Luis F. Q. Toledo 
Diretor Técnico Médico 
CRM - SP 43052